Notícias

17 de Maio de 2022

Delegado Bruno Santana recebe título de cidadão Luziense

Compartilhar:

bruno-santana-2.jpg

O plenário e galeria da Câmara de Vereadores da cidade estavam repletos

 

O delegado de Polícia de Sergipe, Bruno Santana, recebeu nesta terça-feira, 17, o título de cidadão Luziense. A propositura da homenagem teve a iniciativa do vereador Pedro Doria e foi concedida pela Câmara de Vereadores da cidade de Santa Luzia do Itanhy.
 

Juntamente com o delegado, outro colega de equipe, o escrivão de Polícia Civil, Alexandre Azevedo, também recebeu a honraria na noite de hoje.


De acordo com o autor da propositura, vereador Pedro Doria, a escolha para a entrega da propositura ocorre a pessoas nascidas em outros municípios que desenvolvem trabalhos e ações significativas para a cidade de Santa Luzia do Itanhy. “Esta homenagem é um reconhecimento do trabalho que o delegado fez por Santa Luzia do Itanhy. Lhe concedemos o título de Cidadão de nossa cidade e esperamos que se sinta um conterrâneo Luzience. Lembrando que este reconhecimento não foi somente do vereador Pedro, mas desta Casa, já que todos os vereadores aprovaram o projeto”, ressaltou.


Bruno Santana, que passou os três primeiros meses como delegado substituto na cidade de Santa Luzia do Itanhy, fez questão de agradecer toda equipe da delegacia e a confiança do delegado titular da cidade, o delegado Júlio Aquino. “Eu preciso agradecer o trabalho de todos da delegacia de Santa Luzia do Itanhy, desde a moça da faxina aos agentes e ao escrivão Azevedo, que também recebe hoje esta justa homenagem. Todos foram essenciais para que o trabalho ocorresse de forma correta e dentro da lei. Combatemos desde a perturbação do sossego ao tráfico de drogas, intensamente. E com a prisão de alguns traficantes a sociedade começou a ajudar e a denunciar também. Tudo isso não seria possível sem o apoio do delegado titular, dr. Julio Aquino, que me deu todo suporte e oportunidade de exercer a função, executando algumas das minhas ideias”, disse.


O homenageado, que é natural de Aracaju/SE, agradeceu o reconhecimento ressaltando a importância do trabalho feito em Santa Luzia do Itanhy. “Desde que entrei na Polícia Civil, na função de delegado, procurei não aguardar as demandas chegarem. Além de ouvir os moradores que nos procuraram, também buscamos nos aproximar da população. Fizemos um trabalho nas comunidades mais carentes, focando no combate aos crimes sexuais, de violência doméstica, tráfico de drogas, roubos e furtos. No povoado de pescadores distribuímos cestas básicas e buscamos um trabalho social para atender as crianças. Com isto, conseguimos trazer a comunidade para o nosso lado”, explicou o delegado Bruno Santana, que atualmente está lotado na cidade de Riachão do Dantas.

 

bruno-santana-3.jpg

O vice-presidente da Adepol, Adelmo Pelágio, parabeniza o colega


Bruno lembrou também as dificuldades da Polícia e falou da importância da construção de uma sociedade mais justa com a participação da coletividade. “A participação da sociedade é essencial para uma sociedade mais justa e solidária. Não adianta fazermos um trabalho de polícia sem a participação da comunidade. Ela é parte essencial, inclusive quando fazem a denúncia no disque denúncia 181. Facilita o trabalho da polícia e assegura que possamos garantir uma segurança social para todos”, disse.

http://lhe
O vice-presidente da Adepol, delegado Adelmo Pelágio, que também esteve presente à solenidade, enfatizou as qualidades do colega. “A concessão do Título de Cidadania Luziense ao nosso nobre e querido colega, Dr. Bruno Santana, engrandece toda nossa carreira, uma vez que se trata do reconhecimento comunitário acerca da excelência dos serviços por ele prestados no campo da Segurança Pública. Dr Bruno vem realizando um trabalho que se caracteriza pela solidez jurídica, pela eficiência operacional e também pela sensibilidade social. Ele é um delegado que tem a imensa capacidade de interação com a sua comunidade, com a população destinatária dos serviços por ele prestados. E no município de Santa Luzia do Itanhy por meio desta homenagem veio a materialização do reconhecimento dos bons serviços prestados por ele”, diz.

Carreira

Bruno Santana assumiu o posto de delegado em junho do ano de 2021, após trabalhar por 14 anos na Guarda Municipal de Aracaju. Em paralelo, o delegado também leciona há 10 anos para algumas cadeiras no curso de Direito: Direito Constitucional, Direito Penal, Processo Penal, Legislação Orgânica, Direito Administrativo e Medicina Legal.

Antes de se apaixonar pelo Direito, Bruno havia se formado em Engenharia Agrônoma, iniciado um mestrado em Meio Ambiente, chegando a lecionar e coordenar o curso de Agronomia na Faculdade no Noroeste da Bahia. Solteiro, Bruno Santana é pai de Caio Pedron, de oito anos.

 

Podcast

13 de Janeiro de 2022

Isaque Cangussu concede entrevista a Jornal da Rio sobre a paralisação da Polícia Civil

Parceiros

Este site usa cookies para fornecer a melhor experiência de navegação para você. Para saber mais, basta visitar nossa Política de Privacidade.
Aceitar cookies Rejeitar cookies